Livros › 09/12/2016

Igreja e o Mundo sem Deus, A (Vozes, 1970)

a-igreja-e-o-mundo-sem-deusThomas Merton, considerado pela revista americana TIME, «o maior autor espiritual do século», examina nestas paginas a relevância do Vaticano II para o mundo contemporâneo. Os escritos de Merton tem o dom de falar sobre nossa situação neste planeta, num tom direto e com profundidade raramente encontrada nos escritores espirituais do nosso tempo. Mostram lucidez em relação as preocupações materiais e firmeza em manter os valores espirituais.

Neste livro, o autor toma por base de suas reflexões o fato de que «uma nova era se iniciou para o cristianismo». É o que ele denominava em uma serie de artigos, ainda não publicados, «A ERA PÓS-CRISTû.

O que isso significa é examinado aqui num estudo de pesquisa sobre a Constituição Conciliar GAUDIUM ET SPES (A Igreja no Mundo de Hoje), que surge como um documento muito mais revolucionário do que, a primeira vista, se poderia crer. O tema da «morte de Deus» e abordado com penetração e clareza. Merton demonstra grande empatia e compreensão quando expõe a posição do «outro». Acolhe com simpatia as ideias dos que dele divergem, procurando «sentir» com eles, demonstrando rigorosa honestidade intelectual e confiança na reta intenção de quem, partindo de premissas erradas chega a conclusões defeituosas. Neste pequeno volume de Thomas Merton, temos um excelente guia para a compreensão da Constituição Sabre a Igreja e o Mundo de Hoje e suas implicações práticas.

Todos os leitores de Merton sabem como ele faleceu numa recente viagem que empreendeu (em dezembro de 1968) a convite dos Abades beneditinos e cistercienses-trapistas reunidos em Bangkok, na Tailândia. Depois da conferência que pronunciou neste memorável encontro, entre monges cristãos e budistas, um trágico e fatal acidente causou-lhe a morte por eletrocussão. O New York Times declarou ao dar a noticia «… era um escritor que possuía uma graça singular para falar sobre a Cidade de Deus e um ensaísta de penetrante originalidade quando tratava da Cidade do homem. Escreveu sobre a vida espiritual perene, e a fé religiosa, com o conhecimento e a atualidade de um contemporâneo».

Livro raríssimo.

Pode ser encontrado nas bibliotecas dos Mosteiros e Institutos Religiosos.

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.